sábado, 27 de agosto de 2011

A Lua e o Lobo



Houve um tempo em que a Lua brilhava todas as noites.
Sua esfera enchia o céu e as noites pareciam claras como o dia.
Mas reinar sozinha nao a fazia feliz. Sentia a Lua uma vontade imensa de partilhar o que via com alguém.
Certa noite, o silêmcio foi rompido por um longo e doloroso uivo.
A Lua olhou para baixo e viu um Lobo, cujo olhar se fixava em sua figura brilhante.

-Por que esse lamento? - perguntou a Lua comovida.

-Aquela que possui meu coração está longe...

E assim, iniciou-se o diálogo entre o Lobo e a Lua.

Passaram-se horas, dias, semanas ... Mal a Lua surgia, o Lobo chegava e ficavam trocando confidências.
A Lua, que até então só conhecia a frieza e a solidão das noites escuras acostumou-se à presença do amigo.

O amigo tornou-se amor...

O Lobo, que a princípio lamentava a ausência da amada, encantou-se com o brilho da Lua e passou a desejá-la.

Numa noite quente de outono, o encontro se deu.
Desceu a Lua do céu e ao deparar-se com o Lobo, tremeu de emoção e felicidade.
E o Lobo encantado pela magia do amor se entregou ...
Mas aqueles momentos, iriam acabar e a Lua teria de voltar ao céu ...
Resta agora aos dois: nas noites a Lua iluminar os caminhos do Lobo e o Lobo cantar para a Lua, uivando, mas nao em lamento,
mas em amor e paixão, sem sofrimento!

2 comentários:

DOM WOLFMAN disse...

Linda estória minha lualiz, o lobo e a lua... simplesmente amei, bjs do dono

♥ {lualiz}_Dom Wolfman disse...

Fico muito feliz Dono que tenha gostado...
Ela me lembra tambem a história do anjo e do Lobo :)

Bjus da sua menina